Por que há cada vez mais casos de bruxismo?

cOMPARTILHE:

A pandemia trouxe com ela uma lição sobre a necessidade de ser resilientes às situações e se adaptar a novas rotinas. Essas mudanças trouxeram mais cobranças, mais reuniões, mais entregas, mais conversas e uma carga maior de informações que são absorvidas.

O estresse e ansiedade desse cotidiano frenético estão diretamente ligados à ocorrência do bruxismo, problema relacionado ao apertar e ranger dos dentes, que afeta muito a qualidade de vida. Não à toa, o diagnóstico e a procura por ajuda tem aumnetadonos consutórios.

O bruxismo pode causar fadiga, cansaço, inflamação dos músculos, dores de cabeça e nas costas, dificuldade em abrir a boca, retrações nas gengivas e até mesmo perda do esmalte e estruturas mais profundas dos dentes.

Ele é considerado multifatorial, ou seja, vários problemas juntos podem causar o bruxismo. Entretanto, a ansiedade é um dos maiores causadores da condição. Fatores coo o uso excessivo de celular e o consumo exagerado de cafeína e álcool também elevam o risco do problema.

Algumas dicas para prevenção são, fazer atividades físicas, tomar uma chá relaxante antes do sono, deixar o celular longe da cama algumas hors antes de dormir,tomar banhos quentes antes de dormir e evitar bebidas com cafeína.

Fonte: Veja Saúde / Imagem: Google

 

 

Comente:

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar a experiência dos usuários. Ao acessar nosso site você concorda com nossas políticas de privacidade.