Jovem desenvolve conjuntivite química após extensão de cílios. Entenda

cOMPARTILHE:

A influenciadora digital Marcelle Santos viralizou recentemente no TikTok por causa de um vídeo em que ela mostra um machucado no olho após passar por uma extensão de cílios. A lesão ocorreu devido ao contato direto do produto gel pad, usado para o procedimento, com o globo ocular, o que causou uma conjuntivite química.

Na publicação, Marcelle conta que se assustou quando percebeu uma vermelhidão extrema no local. “Coloquei cílios ontem e a extensionista machucou o meu olho. Estão vendo essa linhazinha branca no meio da vermelhidão? É o machucado. Pode ver que está bem grande”, diz a jovem.

Na legenda do vídeo, ela alerta para a importância de pesquisar ao escolher um profissional para fazer a aplicação. “Vejam com qual extensionista vocês vão colocar os cílios. Sou a prova viva de que é algo extremamente perigoso”, aponta.

As extensões de cílios podem ser aplicadas fio a fio para um efeito natural ou no estilo volume russo, mais volumoso. O procedimento é uma opção para substituir o uso de cílios postiços, que precisam ser removidos algumas horas depois da aplicação. É recomendada a manutenção das extensões a cada 30 dias para garantir a durabilidade do resultado.

A médica oftalmologista Fabíola Gavioli Marazato, do CBV-Hospital de Olhos, de Brasília, explica que a extensão dos cílios representa riscos à saúde em virtude do uso de produtos químicos. “Os olhos e a pele da pálpebra são mais sensíveis do que o restante do rosto. Quando expostos a substâncias químicas, eles podem descamar, ficar vermelhos e coçar”, afirma.

Os principais sinais da conjuntivite química são: Olhos vermelhos, Ardência, Lacrimejamento e Secreção clara.

Fonte: Metrópoles/ Imagem: Google

Comente:

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar a experiência dos usuários. Ao acessar nosso site você concorda com nossas políticas de privacidade.