Fevereiro laranja acende alerta sobre as leucemias

cOMPARTILHE:

O caso da influenciadora Fabiana Justus, filha do empresário Roberto Justus, recentemente diagnosticada com Leucemia Mieloide Aguda chama atenção das leucemias que segundo o INCA a doença vai atingir mais de 11,5 mil brasileiros neste ano.

A leucemia é um tipo de câncer que afeta o sangue ou, para ser mais específico, os leucócitos, também chamados de glóbulos brancos, responsáveis pela defesa do nosso organismo contra infecções.

As células do sangue são produzidas na medula óssea, um líquido gelatinoso que fica na parte interna e central dos ossos, popularmente chamado de tutano. Suas células progenitoras, dentro da medula óssea, sofrem uma mutação, ou seja, uma alteração no seu DNA, e se transformam em células doentes (blastos), que passam a se multiplicar de forma anormal.

A doença pode se diagnosticada na forma aguda (quando a multiplicação de células anormais é muito rápida e os sintomas se agravam rápido) ou crônica (quando a multiplicação não é tão rápida e os sintomas se agravam gradualmente). Esta última é mais comum em adultos.

O Fevereiro Laranja é o mês de conscientização sobre as leucemias, portanto é de fundamental importância ficar atento aos sinais que podem ser sensação de fraqueza e mal-estar geral; anemia e palidez; hemorragias (fácil sangramento nasal e aumento da menstruação nas mulheres); ocorrência de grandes hematomas mesmo em pequenas pancadas; perda do apetite e emagrecimento sem causa aparente; Ínguas inchadas e doloridas, principalmente no pescoço e virilha; infecções frequentes; dor nos ossos e nas articulações; febre; falta de ar e tosse; suor noturno ; desconforto abdominal e inchaço do fígado e do baço.

Comente:

Deixe um comentário

Este site utiliza cookies para melhorar a experiência dos usuários. Ao acessar nosso site você concorda com nossas políticas de privacidade.